Manifesto do Plano Futuro

O plano é cuidar das pessoas.

O mundo mudou. Essa é uma expressão que ganhou um peso ainda maior em 2020. Impactadas pela pandemia, as nações têm repensado seus modelos de gestão e até mesmo o próprio papel do Estado. Em meio à crise global, um pensamento parece unânime: é impossível pensar política sem planejamento, sem olhar para frente, sem olhar para as pessoas. Trabalhar apenas “tapando os buracos do passado” e lidando com as urgências do hoje nos deixa a mercê dos grandes desafios futuros. É preciso pensar e planejar ações concretas, pautadas sob uma perspectiva de antecipação, utilizando as novas tecnologias em favor de todos. 

Muita gente pensa que o futuro é algo inerte, um estado de existência que está ali, parado, esperando que os ponteiros do relógio girem até que cheguemos lá. Mas nós não acreditamos que essa seja a definição correta de futuro. Para nós, futuro é o resultado das escolhas que fazemos hoje. O futuro não está parado nos aguardando, muito pelo contrário, ele é um estado líquido, flexível, que se molda a partir de cada decisão tomada no presente. Por isso, é fundamental que gastemos energia pensando em quais ferramentas podemos utilizar como pontes para construir o futuro que queremos. 

Sabemos da necessidade de corrigir os erros do passado e trabalhar para construir um futuro melhor, mas se isso não levar em consideração novas práticas, novas ferramentas e novas perspectivas, continuaremos andando e andando sem sair do lugar. 

O Plano Futuro é mais que um plano de governo. É um manifesto de ideias e metas que visa identificar oportunidades reais de crescimento a curto, médio e longo prazo. É uma proposta de trabalho que tem por objetivo permitir que cada ação tomada no presente leve em conta um objetivo futuro claro e mensurável. 

Por acreditar que não é possível criar um plano de governo justo e eficaz sem ouvir as pessoas, estruturamos uma etapa anterior à sua elaboração, dedicada ao mais firme fundamento da cidadania: ouvir. Entendemos que os problemas da cidade compartilham duas realidades basilares: amplitude e complexidade. Amplitude pois todos compartilham dos mesmos problemas, ainda que uns sejam mais afetados que outros. Afinal, independente de morar na zona sul ou na zona norte, todos são afetados pelos problemas estruturais, sociais e de gestão de nosso município. Complexidade porque a solução para esses problemas não é simples e exige do poder público ações planejadas e integradas. Sendo assim, estabelecemos duas vertentes de diálogo para construção do Plano Futuro: a vertente de especialistas e a vertente comunitária.

Desafio Do Plano Futuro

Para construção do arcabouço técnico do Plano Futuro, realizamos mais de uma dúzia de Lives com grandes especialistas das áreas técnica e acadêmica que apresentaram soluções para melhorar diversos setores da capital. As discussões foram abertas ao público e transmitidas ao vivo no perfil de Raoni no Instagram, tudo para que a população pudesse acompanhar e contribuir com contrapontos e ideias. Ao término do desafio, todas as conversas permaneceram salvas como prova de que quando pessoas de bem somam seus conhecimentos, habilidades e boas intenções, podem transformar o futuro de uma cidade inteira.

O PraJP Funcionar nasceu da necessidade de ofertar à população um lugar seguro para expor suas ideias com total liberdade e sem receio de críticas. Surge da ideia de que é a partir da visão e vivencia diária de cada pessoense que conseguiremos identificar as falhas e encontrar caminhos para resolver cada uma delas. Para assegurar um ambiente propício a esses objetivos, foi lançada, no dia 17 de Julho, a plataforma online prajpfuncionar.com.br, que permitiu que as pessoas enviassem, de forma simples e objetiva, sugestões de melhorias para seus bairros. Essas sugestões foram armazenadas em uma base de dados segura e está servindo como base para elaboração das propostas técnicas por parte do nosso corpo de especialistas. 

Consolidação e compromisso

Durante o mês de julho recebemos a contribuição de milhares de pessoas, tanto especialistas quanto moradores das mais diversas regiões da cidade, e, através de muito trabalho, construímos uma base de dados técnica e participativa que possibilitará trabalhar de maneira holística um projeto de melhorias para uma cidade tão plural como João Pessoa. 

Vencida essa etapa, nos alegramos com o resultado obtido e também em poder construir nosso primeiro marco nessa caminhada rumo ao futuro de João Pessoa: O termo de compromisso do Plano Futuro, que segue em anexo. Nele nos comprometemos a entregar à nossa cidade uma proposta de trabalho clara, viável, técnica, mensurável e, sobretudo, fiel à contribuição popular. Vem com a gente! 

O plano só pode ser um: cuidar das pessoas. 

ELEIÇÕES 2020

TERMO DE COMPROMISSO PÚBLICO

CONSIDERANDO que, cabe ao prefeito, como representante maior do Poder Executivo Municipal, desenvolver as funções sociais da cidade e garantir o bem-estar dos seus habitantes; 

CONSIDERANDO que, cabe ao prefeito planejar, comandar, coordenar e controlar as atividades relacionadas à administração municipal; 

CONSIDERANDO que, cabe ao prefeito planejar, comandar, coordenar e controlar as atividades relacionadas à administração municipal; 

CONSIDERANDO por fim, que cabe ao representante maior do Poder Executivo Municipal, atender à comunidade, ouvindo suas reivindicações e anseios, e que nenhum dos pontos acima será alcançado sem esse diálogo aberto e transparente; 

Eu, Raoni Mendes, assumo o compromisso público pela legitimidade, integridade, idoneidade e transparência na elaboração do plano de governo a ser registrado junto ao TRE na data de ____________, nos seguintes termos: